Pesquisar neste blogue

A carregar...

segunda-feira, 13 de Junho de 2011

CONTAGEM DE MOVIMENTOS FETAIS



Uma maneira de avaliar a saúde do bebé antes do nascimento é contar quantas vezes ele se move num certo período de cada dia. Este número é a contagem de movimentos fetais. Os bebés não se movimentam constantemente. Eles podem dormir e depois acordar e movimentar-se.

Como registar movimentos fetais


• Escolha a hora do dia em que seu bebé é mais activo.


• Apoie-se no seu lado esquerdo ou direito. Fique numa posição confortável.


• Talvez você queira comer ou beber algo antes de fazer a contagem de
movimentos fetais. O alimento pode fazer com que o bebé fique mais activo.


• O bebé pode ficar mais activo se você der uma pequena volta antes da contagem.


• Não fume. Fumar é prejudicial para si e para o bebé. Fumar pode tornar o bebé menos activo até 90 minutos.


• Conte todos os movimentos do bebé: pontapés, cambalhota, movimentos grandes e pequenos. Às vezes, pode sentir uma saliência ou depressão no seu abdómen quando o bebé muda de posição. Algumas mulheres descrevem os movimentos como gases, alongamentos ou empurrões. Cada mudança de posição sentida é contada como um movimento.


• Se você não conseguir sentir o bebé a movimentar-se internamente, coloque as mãos delicadamente na sua barriga e verifique se há algum movimento.


• com um relógio registe a hora em que você começou a contar.


• Todas as vezes que o bebé se mexer faça uma marca no Boletim da Grávida.Quando você tiver contado 10 movimentos em uma hora, pare a contagem.


• Se o bebé se movimentou menos que 6 vezes em uma hora, conte os
movimentos por mais uma hora


• Se o total de movimentos nessa hora ainda for inferior a 6 movimentos, ou se notar uma grande mudança no movimento ligue para seu médico ou enfermeira imediatamente. Diga-lhe quando é que sentiu o bebé a mexer pela última vez e se o movimento foi lento ou repentino. O médico ou a enfermeira poderá usar outros meios para examinar o bebé, como a auscultação ou o monitorização do padrão de frequência cardíaca ao longo do tempo. Se tiver alguma dúvida ou preocupação, converse com seu médico ou enfermeira.


Fonte: www.healthinfotranslations.com.


Sem comentários: